Mulher procurada pela Justiça é detida 48h após dar a luz em Ouro Fino

Uma mulher de 25 anos, que era procurada pela Justiça, foi detida na última quarta-feira (10) após causar tumulto enquanto aguardava por atendimento para sua filha recém nascida, na Santa Casa de Ouro Fino.

Segundo funcionários da Santa Casa, a mulher estaria exaltada e se queixando da demora no atendimento para sua bebê, de apenas dois dias de vida. Ela também ameaçava ir embora antes da criança ser atendida – o que levou as enfermeiras a chamarem a polícia.

De acordo com a médica de plantão, a criança não poderia deixar a Santa Casa sem receber o atendimento médico, apesar da insistência da mãe em ir em embora. Ao registrarem o Boletim de Ocorrência, os policiais foram informado que a mãe da criança teria em seu desfavor um mandado de prisão.

Informados, os PMs deram voz de prisão à mulher, que por estar em estado pós-operatório, e ainda com os pontos recebidos após o parto, teve sua detenção convertida em prisão domiciliar, pelo juiz de plantão na Comarca de Ouro Fino.

Comentários